9ª Mostra Internacional de Filmes de Montanha

O filme Ciclos, de Pedro Dumans, documentário de 50 minutos que empolgou do início ao fim, trouxe todos os ingredientes de um bom filme de montanha: As dificuldades de um esporte de montanha, no caso, o parapente, humor, paisagens e cultura do nosso Brasil e protagonistas com um alto astral. Mais do que merecido, levou os prêmios de melhor filme no júri popular e no júri oficial.

Os pilotos Rafael Saladini, Frank Brown e Marcelo Prieto - Cecéu levaram para o público do cinema o recorde mundial de distância batido em Quixadá.

O belíssimo filme Entre Montanhas e Muriquis, dos mineiros Pedro Vilela, Paulo Vilela e Leandro Moreira ficou com o prêmio de melhor fotografia. Fizeram imagens impressionantes desse primata que habita as matas da Serra do Brigadeiro.

A melhor direção foi para Com a Macaca, de Oswaldo Baldin. Mérito de quem sozinho fez todo o filme, do roteiro a edição, passando pelas filmagens. Por último, a melhor trilha sonora foi para Rumo ao Nordeste, de Sylvestre Campe. A canção criada por Jacobina foi feita exclusivamente para o filme e de forma de repente. Merecida premiação.

Na exposição fotográfica, trouxemos o aventureiro e fotógrafo Fabio Elias. As mais de 15 fotos tiradas das paisagens de sua expedição fotográfica ao Deserto do Atacama atraiu a atenção dos nossos cinéfilos.

O lançamento do Guia Completo de Vídeo Digital, de Richards Olsemius, foi direcionado para aqueles que estão se iniciando na câmera digital.

Completando as atividades paralelas de 2009, a 9d Produções estreiou sua primeira produção cinematográfica com o curta Caminho Teixeira, sobre a histórica conquista do Dedo de Deus, sendo bem recebido pelo público.

Dos filmes estrangeiros, vindos do Banff Mountain Film Festival, o filme 99 Days on the Ice, de Jean-Gabriel Leynaud, sobre a travessia polar, teve o maior quantidade de votos do público. Um filme que fala sobre meio ambiente, mais especificamente, sobre o derretimento do gelo no Ártico.

Filmes Premiados

Ciclos

Ciclos

Edição: Rio Mountain Festival - 2009
Direção: Pedro Dumans, Rio de Janeiro, 2009, 50 min, Parapente | Produção: Rafael Saladini, Carlos Andrade e Vison Produções Artísticas
Melhor Filme - Júri Oficial e Melhor Filme - Júri Popular

Com a Macaca

Com a Macaca

Edição: Rio Mountain Festival - 2009
Direção: Oswaldo Baldin, Espírito Santo, 2009, 23 min, Escalada | Produção: Oswaldo Baldin
Melhor Diretor

Entre Montanhas e Muriquis

Entre Montanhas e Muriquis

Edição: Rio Mountain Festival - 2009
Direção: Paulo Vilela, Pedro Vilela e Leandro Moreira, Minas Gerais, 2009, 38 min, Meio Ambiente | Produção: Tanto Design
Melhor Fotografia

Rumo ao Nordeste

Rumo ao Nordeste

Edição: Rio Mountain Festival - 2009
Direção: Sylvestre Campe, Rio de Janeiro, 2008, 59 min, Planador | Produção: Sylvestre Campe
Melhor Trilha Sonora

Veja AQUI todos os filmes exibidos durante a 9ª Mostra Internacional de Filmes de Montanha.

Galeria de Imagens

Lançamento de Livro

Guia de Vídeo Digital, de Richard Olsenius

Richard Olsenius é fotógrafo, cineasta e ex-editor de fotografia da revista National Geographic. Já ganhou mais de 100 prêmios, incluindo o World Press Photo Award, por sua série sobre os refugiados do Camboja, e Fotos do Ano pelo seu CD multimídia Arctic Odyssey. É também um autor de livros que vão desde National Geographic Photography Field Guide: Preto e Branco a Dog Stories.

Fundada em 1888, a Nacional Geographic Society é uma das maiores organizações científicas e educacionais sem fins lucrativos do mundo. Todo mês alcança mais de 285 milhões de pessoas no mundo todo através de sua publicação oficial, a National Geographic, de suas outras quatro revistas, do Canal National Geographic, de documentários para a televisão, de programas de rádio, filmes, livros e DVDs, mapas e mídia interativa. A National Geographic financiou mais de 8.000 projetos de pesquisa científica e patrocina um programa educacional de difusão de conhecimentos básicos de geografia.

Lançamento de Filme

Estreia do Curta Caminho Teixeira, da 9d Produções

A “Caminho Teixeira” foi a via da conquista do Dedo Deus realizada, no dia 8 de abril de 1912, por cinco jovens brasileiros. Os pioneiros, José Teixeira Guimarães, Raul Carneiro, Acácio de Oliveira, Alexandre de Oliveira e Américo de Oliveira, mal sabiam o que era montanhismo ou escalar montanhas, mas isso não os impediu de partirem em direção ao cume do grande monolito.

O docudrama de 12 minutos nos mostra como foi que esta conquista virou um marco no montanhismo brasileiro: as dificuldades da época, a preparação dos equipamentos, o espírito de equipe e a garra dos brasileiros estão presentes neste curta dirigido por Alexandre Diniz, com co-direção e fotografia de Seblen Mantovani e produção de Gustavo Sampaio.

ELENCO

Gustavo Sampaio – José Teixeira Guimarães
Boris Flegr – Raul Carneiro
Flávio Carneiro – Acácio de Oliveira
Arthur Estevez – Alexandre de Oliveira
Éric Silvestrin – Américo de Oliveira
Pedro Diniz – João “Dente de Ouro”

EQUIPE TÉCNICA

Direção e roteiro - Alexandre Diniz
Direção de fotografia - Seblen Mantovani  
Produção executiva - Gustavo Sampaio  
Montagem - Sancho Corá 
Narração - André Ilha  
Trilha sonora - André Gomes, Niágara da Cruz Vieira, Orion da Cruz Vieira e Williams Braga Ferreira
Fotografia de cena - Luiz Paulo Leão e Silvia Batalha  
Câmeras - Alexandre Diniz, Daniel Bonella e Seblen Mantovani 
Making Of - Éric Silvestrin e Luiz Paulo Leão  
Assistente de direção - Rafaela Kamacho  
Assistente de produção - Thiago Carvalho  
Figurino - Noemia de Almeida 
Arte magnólia - Ruiza Queiroz  
Identidade visual - Bruno Peon e Silvia Batalha  
Pesquisa - Marcelo Sant’Ana Lemos  
Mixagem - Alexandre Jardim  
Pauta CTAV - Jota Junior  
Colorista - Paulo Carou  
Escaladores de apoio - Alexsandro Correa da Silva, Cassiano G. Ramos, Gabriel Cattan, Gideão Melo "Xaropinho", Josemar Sechin “Mazinho”, Luiz Fernando G. da Silva, Luiz Paulo Leão, Pheterson G. de Oliveira, Ricardo de Lima Correia e Rennan Gaspar Mendes

MÚSICA

Brasileirinho, de João Teixeira Guimarães - João Pernambuco

Intérpretes:
Niágara da Cruz Vieira e
Williams Braga Ferreira

Exposição Fotográfica: Expedição Fotográfica Atacama - Deserto e Vulcões, de Fabio Elias

Formado pela School of Visual Arts of New York, pelo Center of Photography of New York, e também pelo Curso de Fotojornalismo da Bloch Editores, Fabio Elias é fotógrafo e professor de fotografia há mais de 25 anos, tendo se especializado em fotografia documental, geografia humana, natureza e fotografia de viagens. 

Trabalhou como fotojornalista free-lancer para várias revistas entre elas: Geográfica Universal, Manchete, Expedição Ecoturismo, 4 Elementos, Travel In, Veja, Horizonte Geográfico, Terra, Guia PanRotas, Marie Claire, Viaje Mais, Fotografe Melhor e Photo Magazine, entre outras. Já esteve fotografando, além do Brasil, em mais de 107 países e na Antártica. 

Fundador da Imagens & Aventuras Expedições Fotográficas, pioneira no Brasil no segmento de turismo didático - fotográfico tipo EXPEDIÇÕES FOTOGRÁFICAS.

Atualmente é coordenador fotográfico da Imagens & Aventuras Escola de Fotografia e Expedições Fotográficas (com sede no Rio de Janeiro).

Translate »